O que você precisa saber sobre a depilação a laser

09/04/2015

 

Você sabia que o método de depilação a laser pode ser utilizado em todos os tipos de pele? E que hoje alguns equipamentos possuem sistemas que reduzem significativamente a dor? E que após algumas sessões os resultados são visíveis e libertadores?

 

Sim! O laser é uma excelente opção para mulheres e homens que queiram se livrar dos indesejados pelos! Mas é importante ficar atento aos métodos existentes e às novas tecnologias, além de consultar um médico especializado para definir qual o melhor tipo de tratamento para você.

 

Hoje a Dermanlaser separou para você algumas informações práticas sobre a depilação a laser:

 

1. Como o laser funciona?

 

A depilação a laser é um método que utiliza a energia do laser para destruir a raiz do pelo através de um processo chamado fotoermólise seletiva, ou seja, atingir seletivamente a raiz preservando os tecidos adjacentes. Isso acontece graças ao pigmento presente nas porções inferiores do folículo piloso, que atrai o raio e com isso causa a destruição da raíz. Uma vez destruído, o pelo não crescerá nunca mais, a não ser que venham ocorrer alterações hormonais, uso de medicamentos que estimulem o crescimento de novos pelos ou alguns problemas de saúde. Aqui na Dermanlaser trabalhamos com profissionais da área de saúde como as fisioterapeutas extremamente qualificadas para garantir o melhor tratamento possível.

 

2. O tratamento é doloroso?

 

Depende.  A sensação varia de acordo com a sensibilidade de cada pessoa, a área que está sendo depilada, o nível de stress e até mesmo o ciclo menstrual no caso da mulher. Se você suporta a dor da cera, não haverá sofrimento com o laser. Quanto mais fina e sensível a pele, maior a sensação de desconforto. Neste caso é recomendado o uso de anestésicos locais tornando as sessões menos doloridas.

 

3. Quantas sessões são necessárias?

 

O número de sessões depende da área a ser tratada, da cor do pelo e da pele. Depende também se a pessoa já usou ou usa alguns tipos de medicamentos que infuenciam no crescimento dos pelos ou se possui alguma alteração hormonal. Ou seja depende principalmente da reação do organismo de cada individuo. Em média são indicadas entre 6 e 12 sessões para uma redução 70a 80% dos pelos.

 

 

4. Quais são as preparações necessárias para o tratamento?

 

As áreas a serem tratadas devem ser protegidas por filtro solar no mínimo FPS 30 algumas semanas antes e após a exposição ao laser para evitar manchas e queimaduras. Segundo a dermatologista Dra. Sandra Badini, “é importante suspender o uso de cremes depilatórios 7 dias antes da sessão, suspender sol na área 7 dias antes e após a sessão e acima de tudo a área não pode estar bronzeada ou vermelha no dia da sessão”.

 

5. É necessário deixar os pelos crescerem muito antes do tratamento?

 

Não. Ao contrário da eletrólise não há necessidade dos pelos estarem longos, mas os mesmos devem estar presentes dentro do folículo para absorver a luz do laser. Portanto é proibido arrancar os mesmos. O uso de tesouras, giletes (lâminas) ou cremes depilatórios que dissolvem os pêlos não diminuem a eficácia do tratamento.

 

6. Quais áreas podem ser tratadas?

 

Praticamente quase todas as áreas do corpo. 

 

7. Os resultados são permanentes?

 

A Agência Americana FDA (Foods and Drugs Administration) considera como efetivo um tratamento de depilação a laser quando cerca de 70 a 80% dos pelos da área tratada desaparecem. Na Dermanlaser a maioria dos clientes alcançam níveis superiores a 80% de eliminação, alguns até 100%, porém isso não pode ser prometido por nenhuma clínica ou profissional sério e comprometido. O correto é orientar seguindo os estudos científicos na literatura médica.

 

Gostou das informações? Gostaria de esclarecer outras dúvidas ou deseja fazer uma avaliação gratuita? Inscreva-se em nossa Newsletter e visite nosso site para obter maiores informações. Caso queira tirar duvidas específicas mande uma mensagem que teremos o maior prazer em ajudar!

Please reload

Posts em destaque

Depilação a laser ou Fotodepilação: diferenças entre os métodos depilatórios

21/01/2015

1/1
Please reload

Posts recentes
Please reload

Arquivo